Bem Vindos ao Própria Poesia!

Bem Vindo ao Própria Poesia!

Boas leituras!!!

24/06/2011

Quero-te



Passaste por mim, como tantos passam.
Olhas-te para mim, como tantos olham.
 Mas marcaste-me, como não me haviam marcado.
 Sem saber por quê, fiquei por ti quase enfeitiçado!

Essa tua essência de jeito singular
Deu conta de mim, tomou-me por sua,
Invadiu-me sem sequer questionar!
Agora anseio por outro cruzar na rua,
Outro momento que me inspire a viver, a sonhar!

Esse rosto teu, de traços puros,
                Que de perfeitos parecem desenhados
Essa beleza mística, sedutora
                Que se revelou em mim arrebatadora
Esses olhos de cor mesclada 
       Que perto anseio como mais nada

Têm em mim estranho efeito,
Fazem sentir-me como nunca me senti!
Essência pura que invadiu meu peito,
És quem eu sonhei em nunca
E em nunca, também vi.

Dou por mim em ti a pensar
Sem sequer me aperceber.
Onde menos espero te vejo
Dominas-me a mente, completas-me o Ser
Tornaste-te um sonho, um desejo,
          Necessito o que sinto expressar!

Esta vontade, esta cede imensa
Que de ti tenho, consome meu ser.
Tenho por ti uma chama intensa,
Uma enorme necessidade de te conhecer!

Quero-te porque o sinto!
Quero-te porque sim!
Quero-te porque é distinto!
Quero-te para mim!

1 comentário:

  1. perfeito :P
    continua...tens bastante geito
    COELHITA

    ResponderEliminar